Congresso Nacional

Alcolumbre se irrita sobre prisão em 2ª instância e propõe renúncia coletiva

By 12 de novembro de 2019 Nenhum Comentário

presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), ironizou a insistência de jornalistas sobre a tramitação das propostas que tratam sobre a prisão após condenação em segunda instância.

“A gente podia fazer uma nova Constituinte e todo mundo renunciava os mandados e fazia logo uma nova Constituinte. Se como é essa a prioridade”, alfinetou Alcolumbre.

Ele ainda afirmou que está disposto a mudar a Constituição para resgatar a possibilidade de prisão após a segunda instância.

“Eu estou disposto a fazer [uma nova Constituinte]. Se for pelo bem do Brasil, a gente… Se for essa a prioridade”, falou.

Na semana, por 6 votos a 5, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que o condenado só pode ser preso quando esgotarem todas as possibilidades de recurso.