Na Cara

Turismo da vacina leva brasileiros aos EUA; passagens executivas podem custar até R$ 640 mil

By 22 de maio de 2021 Nenhum Comentário

Agências de viagens têm lançado pacotes para que os brasileiros possam ir aos Estados Unidos ou outros países que estejam vacinando os turistas. Os pacotes envolvem passagens aéreas e hospedagem para destinos próximos aos EUA, onde os turistas devem ficar de quarentena por no mínimo 14 dias antes de seguir viagem. O preço das passagens varia entre R$ 15 mil e R$ 20 mil, mas podem passar de R$ 500 mil em voos executivos.

A Flapper, empresa de aviação executiva sob-demanda, foi uma das responsáveis pelo lançamento desses voos de luxo. Recentemente a companhia informou que fará dois voos em jatos executivos levando passageiros que podem pagar o alto custo de serem vacinados nos EUA.

Em entrevista para o CNN Business, a diretora financeira da Flapper, Bárbara Andrade explicou que “os voos são até o local em que o passageiro irá fazer a quarentena. O segundo trecho ele pode fretar com a Flapper ou realizar um voo comercial tradicional. No retorno dos EUA para o Brasil, também pode ser feita a cotação ou, então, o passageiro retorna de voo comercial.”

Saindo de Guarulhos (SP), os voos têm como destino as ilhas no Caribe, onde os brasileiros poderão esperar durante o período de isolamento. As aeronaves devem decolar no dia 10 de junho, com pousos definidos nas ilhas de Punta Cana, na República Dominicana, e Providenciales, território ultramarino do Reino Unido na América Central. O valor do fretamento da primeira aeronave custará R$ 640 mil e da segunda, R$ 520 mil.

Mas há a opção de dividir os custos entre mais passageiros, os jatos possuem 12 e 14 lugares vagos, respectivamente. “É permitido ao cliente que comprou o fretamento, já pago, compartilhar os demais assentos da aeronave com outras pessoas. Assim, o cliente pode ter o custo dessa viagem reduzido”, diz a diretora financeira da Flapper.