Governo Federal

Secretário do Tesouro defende congelamento do salário dos servidores

By 17 de agosto de 2019 Nenhum Comentário

O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, defende a revisão de gastos obrigatórios, como despesas com servidores, para controlar o Orçamento e, com isso, liberar recursos para outras áreas. Ele também cita o Orçamento engessado, com despesas vinculadas e indexadas, como um problema da gestão pública. Os ministérios têm hoje R$ 15 bilhões liberados, mas não são usados.