Presidente Lula se reúne com associações de produtores de proteína animal e pecuaristas

Sammy Chagas
27 de novembro de 2023
Share:

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e os ministros Carlos Fávaro, da Agricultura e Pecuária, e Paulo Pimenta, da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, reuniram-se nesta sexta-feira, 24 de novembro, com empresários e associações do setor de proteína animal.

O encontro contou com a presença das duas maiores associações de produção de proteína animal, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), da carne bovina, e a Associação Brasileira de Proteína Anima (ABPA), de frangos e suínos, e alguns dos maiores pecuaristas brasileiros.

Na reunião, o ministro Carlos Fávaro relatou que governo abriu 65 novos mercados no exterior para diversos produtos da agropecuária brasileira, como carne bovina, frango e farelo de milho. Os representantes dos setores agradeceram o trabalho do governo federal em abrir mercados para a produção de proteína animal brasileira.

O presidente afirmou que, depois deste primeiro ano, em que viajou para restabelecer a imagem do país no mundo, em 2024 deverá receber mais visitas de chefes de Estado no Brasil, entre eles, do Japão, da França e dos Emirados Árabes Unidos, além da Cúpula do G20.

AVANÇOS – Os produtores presentes na reunião falaram dos avanços da pecuária nos últimos anos e da integração entre agricultura e pecuária, cuidados ambientais e de economia circular, confinamento e o melhoramento genético do rebanho brasileiro que, atualmente, com 24 meses, alcança de 22 a 23 arrobas.

Os empresários agradeceram a intervenção do presidente para a liberação de 50 mil toneladas de carne de exportação para a China, que foram bloqueadas no início do ano.

No encontro, também foi discutida a ampliação dos esforços do Brasil para ampliação de plantas de exportação para o mercado chinês, a abertura de mais mercados à prática de exportação de ovos, entre outros assuntos para atuação do governo na exportação.

Compartilhar: