Governistas questionarão Arthur Maia sobre censura à imprensa na CPMI

-
29 de agosto de 2023
Share:

Após o presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do 8 de janeiro, Arthur Maia (União Brasil), editar um ato que impõe censura a jornalistas, parlamentares da base do governo Lula (PT) farão um questionamento público ao deputado baiano.

Conforme Igor Gadelha em sua coluna no portal Metrópoles, a ideia é que a mobilização ocorra ainda nesta terça-feira (29), antes da oitiva do ex-comandante-geral da Polícia Militar do Distrito Federal, Fábio Augusto Vieira.

Segundo a publicação, parte dos aliados do governo avalia que Maia não tem autoridade para determinar o que pode ou não ser publicado pela imprensa e tampouco para impedir jornalistas credenciados pelo Senado de acompanhar a CPMI.

O texto editado pelo presidente da comissão proíbe profissionais da imprensa de capturar “imagens de conteúdo privado de terceiros sem autorização”. Também impede a imprensa de divulgar informações “privadas ou classificadas como confidenciais” pela comissão “sem expressa autorização”.

A medida foi publicada dias após o deputado federal decidir barrar a entrada do repórter-fotográfico Lula Marques, da EBC (Empresa Brasil de Comunicação), no plenário da comissão. O jornalista havia fotografado a tela do celular do senador Jorge Seif (PL-SC), onde aparecia uma mensagem de uma assessora questionando uma operação deflagrada pela Polícia Civil, na última quinta (24), contra Jair Renan Bolsonaro, filho 04 de Jair Bolsonaro (PL).

Compartilhar: