Na Cara

Golpe pelo WhatsApp que simula consulta para saque do FGTS já atingiu mais de 130 mil brasileiros

By 1 de agosto de 2019 Nenhum Comentário

 

Foi identificando circulando pelo WhatsApp um novo golpe que simula consulta ao FGTS e promete o saque do suposto benefício à população. O ataque já afetou mais de 130 mil pessoas que receberam, acessaram ou compartilharam o link malicioso em apenas seis dias.

Por hora, são registrados, pelo menos, 2083 novos acessos à fraude, de acordo com informações do dfndr lab, laboratório especializado.

Ao tocar no link do golpe disseminado pelo WhatsApp, o usuário é incentivado a responder uma breve pesquisa, que inclui perguntas como “Deseja sacar todo seu FGTS ou parcial?” e “Você sacou algum valor do FGTS nos últimos 3 meses?”.

Independentemente das respostas, ele é encaminhado a uma nova página para compartilhar o link do ataque com mais 10 amigos do WhatsApp e liberar o suposto saque de sua conta.

“O objetivo desse golpe é induzir o usuário a conceder permissão para receber futuras notificações com outros golpes diretamente no celular, abrindo um canal direto de comunicação entre o cibercriminoso e a vítima”, esclarece Emilio Simoni, Diretor do dfndr lab.

“Além disso, ela é direcionada a páginas para realizar cadastros indevidos em serviços de SMS pago. A partir do momento em que este cadastro ocorre, sem perceber, a vítima passa a receber cobranças indevidas”, afirma.

Para dar mais realismo ao ataque, os hackers criam comentários de falsos usuários afirmando que já sacaram seu benefício, como, por exemplo, “é verdade mesmo pessoal” e “vou na lotérica segunda-feira sacar o meu”.

Fique seguro

Para não cair em armadilhas na internet, como em golpe no WhatsApp, é importante que você desconfie de qualquer tipo de promessa exagerada que chega por mensagens.

Para verificar se o link é verdadeiro, basta entrar em contato diretamente com a empresa ou órgão do governo envolvido. Além disso, é essencial manter um antivírus instalado no celular.