Na Cara

Dilvan Coelho dissolve “Senadinho” com a justificativa de Fake News

By 19 de outubro de 2019 Nenhum Comentário

O Dr Dilvan Rocha Coelho sempre foi acostumado a dar seus pitacos na vida política local e também colaborou com algumas campanhas políticas.

Ultimamente o nobre Dilvan vinha dando seus pitacos com a coluna intitulada ” direto da toca do coelho,  partilhada no grupo de watzap ” Senadinho”.

Porém veja o que disse Dilvan ao Dissolver o grupo.

BASTIDORES DO PODER

O grupo Senadinho surgiu na Padaria Atalaia de um grupo de amigos que se reuniam todos os dias para tomar o café da manhã e o assunto dominante era sobre a política Teixeirense. Criamos uma diretoria e depois levamos o grupo para a rede social através do Whats App. O nosso propósito seria debater a política de forma democrática, sempre baseado no princípio de que “os homens não brigam, as ideias é que se chocam.”

No grupo criamos a coluna Bastidores do Poder aonde difundíamos o nosso ponto de vista da política sempre nos baseando na voz das ruas, auscultada através de pesquisas periódicas, e assinamos a coluna como sendo direto da toca do coelho. Entretanto pessoas inescrupulosas através de Fakenews começaram a divulgar nas redes sociais textos atacando o prefeito e a administração e simulando como se fosse nós que redigimos os textos, o que tem nos causado problema de relacionamento com o prefeito e com membros do governo.

Diante disso resolvemos dissolver o grupo Senadinho, para evitar maiores problemas na frente, já que estamos entrando no ano político e o clima promete aquecer ainda mais de agora em diante. Como não temos controle sobre o que os membros do Senadinho escrevem, e por causa da maldade de certas pessoas que usaram o nosso nome para criar animosidade com o governo, resolvemos retirar o grupo do ar. Queremos agradecer os componentes do grupo e a partir de amanhã vamos retirar todos os membros dissolvendo o grupo.

Quero avisar aos amigos que ainda não saíram do nosso grupo Senadinho que hoje foi o último dia de sobrevida do grupo. A partir de amanhã o Senadinho estará fora do ar. Recebi muitas moções de sentimento devido a extinção do grupo. Para mim será duro a perda do grupo é como se tivesse perdido algo precioso, aonde o debate sempre ocorria de forma respeitosa mesmo que fossem de ideias que se chocavam com ideais diferentes. Quem não se lembra dos debates de Claudia e Fábio Dalorto em que a direita e a esquerda se confrontavam sempre, até que os argumentos se esgotaram.

Mas quero deixar aqui um recado a todos os componentes remanescentes do grupo. Na política não existem verdade absolutas e nem conceitos pré-estabelecidos, tudo é relativo e depende das circunstâncias e dos fatos. Um fato novo relevante, de repente muda todo o cenário. Por isso que não existem vitórias definitivas e nem derrotas, o vencedor de hoje poderá ser o derrotado de amanhã. Quando se ganha uma eleição deve-se procurar fazer a política permanente, com visão no futuro. Muitas das vezes se faz uma grande gestão e não consegue ser reeleito, porque a gestão e a política não andaram de mãos dadas. Fica a dica!

Atenciosamente, Dilvan Coelho”

Quem irá presidir o novo Senadinho?

Nesse mato tem coelho…