Política

Bolsonaro culpa esquerda e diz que não foram militares que mataram pai do presidente da OAB

By 29 de julho de 2019 Nenhum Comentário

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) tentou amenizar as declarações dadas nesta segunda-feira mais cedo quando atacou o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)Felipe Santa Cruz, ao dizer que ele não gostaria de saber como o pai dele morreu, durante o período da ditadura militar. Nesta tarde, enquanto cortava cabelo, Bolsonaro colocou a culpa pelo sumiço em “grupos de esquerda” e isentou os militares de qualquer relação com o desaparecimento.

“Conto pra ele. Não é minha versão. É que a minha vivência me fez chegar nas conclusões naquele momento. O pai dele integrou a Ação Popular, o grupo mais sanguinário e violento da guerrilha lá de Pernambuco e veio desaparecer no Rio de Janeiro”, disse Bolsonaro em coletiva de imprensa.